streetwearO vestuário de trabalho é uma das tendências mais notáveis dos últimos anos. Originalmente concebido para responder às necessidades dos trabalhadores manuais, este estilo evoluiu para se impor progressivamente no panorama da moda.

As bases do estilo

Embora muito em voga nos anos 70, o vestuário de trabalho tem as suas origens na era industrial do século XIX, quando a durabilidade e o carácter prático tinham precedência sobre o estilo. As peças de vestuário foram concebidas para resistir aos rigores do trabalho manual, oferecendo ao mesmo tempo conforto e proteção ao utilizador. Os materiais robustos, como a ganga, a lona e o algodão, eram preferidos pela sua resistência e durabilidade. Detalhes utilitários como bolsos funcionais, reforços nos joelhos e costuras reforçadas eram características essenciais do vestuário destes trabalhadores. Embora o estilo de vestuário de trabalho seja frequentemente associado aos lenhadores norte-americanos, os japoneses também deram o seu contributo. Conhecida como "boro" ou "inspirada no boro", esta influência, que historicamente se refere a têxteis reciclados usados e recuperados, tem sido tradicionalmente utilizada pelas classes trabalhadoras no Japão. Mais recentemente, este estilo evoluiu e tornou-se num elemento básico da moda. Dá às roupas um aspeto único e autêntico. O visual atual do vestuário de trabalho é uma mistura perfeita destas duas influências, combinando a delicadeza japonesa com a dureza americana.

De cabanas de madeira a pódios europeus

É um estilo que tem sido amplamente adotado pelos criadores de moda nos últimos anos. Inspirados pela estética autêntica e rústica do trabalhador americano, os designers de moda começaram a incorporar elementos de vestuário de trabalho nas suas colecções, dando origem a uma nova interpretação do estilo. Marcas icónicas como a Levi's, a Carhartt e a Dickies ajudaram a popularizar o visual do vestuário de trabalho, oferecendo vestuário que era simultaneamente funcional e elegante. Atualmente, o vestuário de trabalho é cada vez mais popular, tanto na passerelle como na rua. Os adeptos deste estilo procuram peças intemporais e versáteis que combinem qualidade, conforto e estética. cargo Camisas xadrez, casacos de ganga, calças e botas de trabalho são elementos-chave do guarda-roupa de vestuário de trabalho, oferecendo um look casual mas sofisticado.

Uma coleção de sucesso

A PXP não é exceção e a nossa coleção é um verdadeiro sucesso. Para lhe oferecer uma coleção que corresponda às suas expectativas, criámos conjuntos bem calibrados. Cores sóbrias, bolsos enormes, tecidos grossos... está tudo lá! cargo Para a parte de baixo, optámos por calças como, por exemplo, bermudas com bolsos laterais grandes ou calças com vários bolsos. Para a parte de cima, as camisas estão frequentemente na ordem do dia, pois são fáceis de vestir e podem ser ajustadas a todas as calças. Tem bolsos grandes no peito e pode ser usada como camisa de manga curta ou comprida, ou mesmo como camisola... ideal para a primavera que está quase a chegar! Uma t-shirt também terá o seu lugar neste look. Básica, mas não sem graça, tem um pormenor elegante como uma t-shirt com bolso. De uma forma mais geral, para um estilo workwear bem dominado, vamos optar por roupas que conservaram o seu aspeto utilitário, prático e autêntico, combinadas com cortes mais contemporâneos que agradam a todos. Para completar o look, optamos por acessórios simples e discretos. Chapéus, cintos de lona e relógios robustos são a combinação perfeita. No que diz respeito ao calçado, pode ser tentado por Sneakers, para uma versão muito atual deste estilo, ou por botas um pouco mais largas.

Vestuário inclusivo

Como sabe, na PXP o espírito de solidariedade corre-nos nas veias. É por isso que criamos roupas que se adaptam a todos, sem exceção. O estilo de vestuário de trabalho incorpora estes valores, promovendo um certo espírito de camaradagem e solidariedade. Ao usarmos roupas que prestam homenagem aos trabalhadores manuais, honramos a sua contribuição para a nossa sociedade e o seu legado de trabalho árduo. O vestuário de trabalho transcende as fronteiras socioeconómicas e culturais, reunindo pessoas de todos os estratos sociais em torno de uma estética e de uma filosofia de vida comuns. O objetivo do vestuário de trabalho? Oferecer uma vasta escolha de vestuário de qualidade para todos. As nossas roupas têm como objetivo garantir que o vestuário é adequado a uma variedade de formas corporais, tamanhos e necessidades individuais. Para a PXP, inclusividade significa atender às diversas características físicas e necessidades de todos, sem excluir grupos específicos de pessoas. Ao adotar cortes e estilos de vestuário inclusivos, o estilo de vestuário de trabalho pode acomodar uma variedade de tipos de corpo, assegurando que todos podem encontrar vestuário que lhes sirva bem e que se adapte ao seu corpo. É um círculo virtuoso; o vestuário inclusivo promove a confiança e o conforto de quem o usa. Ao oferecer estilos que realçam a diversidade corporal, o vestuário de trabalho pode ajudar a aumentar a auto-confiança e o bem-estar das pessoas. E é isso que queremos na PXP!

Em que está a pensar? Quer adotar um estilo de vestuário de trabalho?